Sala de Aula Invertida ou Flipped Classroom

Sala de Aula Invertida ou Flipped Classroom



Você já ouviu falar em Sala de Aula Invertida ou Flipped Classroom? Este é um método de ensino que começou nas universidades dos Estados Unidos e que se espalhou pelo mundo. No Brasil, é mais comum ser aplicado no ensino superior, mas também tem seu espaço no ensino básico.


Como funciona


Na sala de aula invertida, os alunos chegam na escola com o conteúdo da aula estudado. O assunto da aula é fornecido pelos professores previamente por meio de plataformas digitais ou, em alguns casos, os alunos podem pesquisar por conta própria. No ambiente escolar, o tema é explorado pelos estudantes através de diálogos, debates e esclarecimentos, e o papel do professor nesse momento é mediar.


O método pode ser aplicado esporadicamente, o que permite que os professores analisem os resultados e comportamentos dos estudantes perante as atividades. 


Vantagens


Essa metodologia possui uma série de vantagens para os alunos. Dentre elas, podemos destacar:


Maior absorção do conteúdo


Já dizia o filósofo Sêneca “Ensinando, aprende-se”. Essa afirmação é defendida por diversos educadores, e parte do princípio de que ao ensinar, o aluno guarda o máximo de informação possível para apresentá-la aos outros, e sintetiza tudo aquilo que aprendeu ao colocar em suas palavras.


Além disso, a prática da sala de aula invertida diminui as chances do aluno decorar apenas momentaneamente o conteúdo das aulas.


Mais autonomia


A prática exige que o aluno busque conhecimento por si mesmo e aprenda a procurar por respostas, por consequência, o estudante desenvolve mais sua autonomia e responsabilidade. 


Otimização do tempo


Em uma aula expositiva normal, os professores levam um tempo até explicarem todo o conteúdo, e além disso, podem haver interrupções em caso de dúvidas, o que torna o tempo de aula apertado.


No método de sala invertida, o conteúdo disponibilizado previamente é otimizado e permite que o aluno pesquise caso tenha alguma dúvida. Na sala de aula, além do diálogo, o professor pode propor exercícios e atividades práticas, que exploram e aprofundam o tema abordado.


Maior interação na sala de aula


O diálogo estabelecido entre os alunos torna-os muito mais engajados e participativos na sala de aula. Essa é uma grande vantagem, uma vez que também trabalha a comunicação e capacidade de interação dos estudantes.



É importante ressaltar que apesar das vantagens, é extremamente necessário que haja um um bom planejamento dos professores para o preparo dos alunos. Quando bem aplicado, o método pode ser uma excelente maneira de atingir bons resultados e contribuir com a melhoria da qualidade de ensino das escolas.