Empreendedorismo: 5 dicas para ensinar ao seu filho!

Receba dicas e conteúdos exclusivos para a educação do seu filho.

Obrigado por se cadastrar. Em breve você receberá nossos conteúdos no seu e-mail!

Ops! Algo deu errado. Por favor, confira seus dados e tente novamente.

Incentivar o empreendedorismo nas crianças é uma forma de prepará-las para os desafios da vida adulta e para as diferentes possibilidades do mercado de trabalho. 

O empreendedorismo também é uma ferramenta importante para auxiliar crianças em questões ligadas à educação financeira, à criatividade, à inovação e metas para o futuro.

Veja também

+ Saiba como conseguir bolsas de estudo

Como as escolas incentivam o pensamento empreendedor nas crianças? 

A Base Nacional Comum Curricular, documento responsável por determinar as diretrizes da Educação Básica no Brasil, estabelece 10 Competências Gerais básicas que também estão ligadas ao empreendedorismo. São elas:

  • Conhecimento;

  • Pensamento científico, crítico e criativo;

  • Repertório cultural;

  • Comunicação;

  • Cultura digital;

  • Trabalho e projeto de vida;

  • Argumentação;

  • Autoconhecimento e autocuidado;

  • Empatia e cooperação;

  • Responsabilidade e cidadania;

Geralmente, as escolas costumam trabalhar o pensamento empreendedor nos alunos por meio de projetos criativos e em atividades focadas em gerar soluções para possíveis problemas. 

No colégio, percebemos que as crianças são estimuladas a aprimorar o senso de responsabilidade e organização diariamente.

No ambiente escolar, os jovens também aprendem a desenvolver desde cedo o senso de liderança, o protagonismo, a autonomia e as habilidades de comunicação.

Isso pode ser percebido nos trabalhos e dinâmicas de grupo, por exemplo.

5 dicas para ensinar seu filho a empreender

Como vimos, as escolas já utilizam recursos e metodologias capazes de desenvolver o espírito empreendedor nos alunos. 

Mas, para obter bons resultados ao longo dos anos, é fundamental que esse conceito também seja aprimorado em casa. 

Se você quer desenvolver o comportamento empreendedor no seu filho, o Melhor Escola listou cinco dicas úteis. Veja a seguir:


1. Ensine seu filho a definir metas e objetivos

Dependendo da idade da criança, já é possível conversar com ela sobre alguns objetivos e ajudá-la a traçar metas para consegui-los. 

Você pode perguntar ao seu filho qual profissão ele deseja exercer no futuro. Em seguida, mostre a ele quais serão os cursos necessários, qual será o investimento necessário e como ele deve vencer cada etapa. 

O mesmo vale para metas relacionadas ao lazer ou à rotina, como fazer uma viagem, reformar o quarto ou comprar um brinquedo novo. 


2. Incentive seu filho a reconhecer oportunidades e a ganhar o próprio dinheiro

As crianças costumam ser bastante criativas e os pais devem usar essa habilidade para estimular o desenvolvimento infantil. 

Por exemplo, se o seu filho tem habilidades na cozinha e está sempre rodeado de amigos, uma dica interessante é incentivá-lo a fazer doces para vender aos colegas.

Ou, se ele tem facilidade em alguma matéria da escola, que tal usar o conhecimento para dar aulas de reforço a outras crianças mais novas? 

Outra dica interessante é separar brinquedos ou roupas usadas para fazer um bazar no condomínio ou na vizinhança. Seu filho pode anunciar os itens nas redes sociais ou nos grupos de Whatsapp.

Independentemente da opção escolhida, seu filho poderá usar o dinheiro para investir, comprar roupas novas ou realizar alguma meta importante para ele. O mais importante é ele perceber que, com um pouco de esforço e dedicação, é possível ter bons resultados.


3. Incentive a criatividade e as habilidades de comunicação no seu filho

Para empreender, muitas vezes é necessário lidar com diferentes situações e pessoas. Por isso, incentive seu filho a falar e escrever corretamente. Ele também deve saber se portar de forma educada na frente das outras pessoas. 

Se o seu filho for uma criança muito tímida, aulas de teatro ou de música podem ajudá-lo a perder os bloqueios e socializar melhor.


4. Ensine ao seu filho a importância da ética, do respeito e da resiliência

Seu também filho deve saber que nem sempre empreender é sinônimo de sucesso ou riqueza. 

Em muitos momentos, a vida de um empreendedor é cheia de desafios e superações. Por isso, os pais devem conversar com os filhos sobre aprender com os erros e sobre o tempo certo de agir. 

É fundamental que a criança saiba desde cedo a respeitar os outros e a ter ética nas atitudes. O esporte e os jogos educativos costumam ser bastante úteis para ensinar esses valores aos pequenos.


5. Mostre ao seu livro livros e filmes que falem sobre empreendedorismo 

Com uma rápida pesquisa no Google, os pais podem encontrar obras que abordam o empreendedorismo com uma linguagem mais apropriada para adolescentes ou crianças. Além disso, filmes e séries que abordam o assunto podem ser uma boa estratégia para ensinar.

O filme “Fome de Poder”, que conta a história por trás da criação da rede McDonald's, também aborda questões interessantes sobre o mundo dos negócios. 

Outra dica é o longa-metragem “A Procura da Felicidade”. Estrelado por Will Smith, o filme mostra a história de um empreendedor que passou por diversas dificuldades até se tornar um importante milionário.


Gostou deste artigo e quer mais dicas para ajudar na educação do seu filho?

Acesse os outros artigos do Melhor Escola e veja outros textos sobre qualidade do ensino, escolas, desenvolvimento infantil e qualificação de professores. 

Aproveite para pesquisar em nosso site as escolas parceiras da sua cidade com bolsas de estudo de até 80%.