Comportamento infantil de 3 a 4 anos: entenda melhor a fase

Receba dicas e conteúdos exclusivos para a educação do seu filho.

Você já ficou curioso sobre o comportamento infantil de 3 a 4 anos? Geralmente essa é a fase que mais desperta a curiosidade dos pais, já que envolve diversas e intensas descobertas e aprendizados. 

| + Veja como conseguir bolsas de estudo para seu filho(a)

É possível sentir a evolução e o crescimento da criança muito rapidamente, ou seja: novas frases são construídas, a pronúncia de palavras simples vai sendo aperfeiçoada, termos e expressões complexas vão sendo aprendidas, e assim por diante.

Se você é pai ou mãe de uma criança que se encontra nessa fase da vida, é bem provável que sua rotina esteja tão cheia de descobertas e dúvidas quanto a do seu filho, certo? Mas fique tranquilo! Nós preparamos esse texto com tudo o que você precisa saber sobre o comportamento infantil de 3 a 4 anos. Acompanhe!

Como é o comportamento infantil de uma criança de 3 anos?

Nesta faixa etária há grande atividade motora: a criança corre, pula, começa a subir escadas e etc. Além disso, ela apresenta grande desejo de experimentar tudo, o que amplia seu conhecimento de mundo.

A criança também é capaz de vestir-se sozinha razoavelmente bem, marcando o início da autonomia, assim como na alimentação e na higiene - em algumas ocasiões.

Também é importante ressaltar que durante esta etapa, eles também passam por ganhos significativos de domínio da linguagem e das habilidades cognitivas. Agora, aqueles pequenos bebês já estão bem maiores e com um físico muito mais resistente e adaptado. 

O comportamento infantil aos 3 anos recebe um ganho importante que é a determinação. 

A partir de agora, seu filho vai ser muito mais resiliente em seus objetivos, fazendo de tudo para que sejam alcançados, mesmo que isso envolva perigos - desconhecidos por ele e que provavelmente serão presenciados por birras em caso de que ele seja contrariado.

Veja também: + Os melhores jogos para crianças de 3 anos

Conforme as crianças enriquecem seu vocabulário e sua habilidade de expressão, começam a surgir os diálogos de desafio e as respostas de contrariedade que são tão comuns nessa idade.

Uma criança de 3 anos é extremamente ativa, ou seja, elas querem viver com intensidade máxima, por isso, é tão comum que queiram executar milhões de tarefas todos os dias. Os pais devem ter consciência que essa é uma fase que as crianças devem gastar energia, correndo, pulando, fazendo sujeira, brincando com animais, e etc. Elas precisam ser livres para fazerem isso, com criatividade e hiperatividade.

Marcos de desenvolvimento aos 3 anos de idade

Algumas atitudes são marcos do desenvolvimento da criança aos 3 anos, tais como:

  1. Tirar a roupa sem ajuda;

  2. Vestir-se sozinho;

  3. Independência para realizar certas tarefas;

  4. Descoberta de sua identidade (sente-se uma pessoa completa, não apenas uma  parte dos pais);

  5. Capacidade de diferenciar fantasia e realidade;

  6. Entendimento sobre o que os pais falam (elas podem não entender todo o contexto, mas saberá distinguir brigas de conversas agradáveis, insultos de elogios, etc.).

Como é o comportamento infantil de uma criança de 4 anos?

A transição da fase dos 3 para os 4 anos também é cheia de surpresas. Aos quatro anos de idade, a criança atinge a fase da afirmação. Neste momento, todo e qualquer limite será desafiado das mais diferentes formas. 

É agora que se intensificam aqueles momentos em que ela tira um super argumento da cartola e ninguém entende muito bem de onde surgiu aquilo. Entretanto, os desafios verbais não são os únicos a serem enfrentados aqui. 

Os pequenos podem sair correndo do banho, fingir que não ouviram suas ordens, se esconderem… o segredo é ter paciência com a fase de aprendizado, mas também mostrar uma autoridade da sua parte.

A criança também vai começar a realizar tarefas ao mesmo tempo, como comer enquanto se troca ou desenhar enquanto está cantando. 

Mais uma vez, não se assuste com a alta energia das crianças, já que ela é resultado da exploração de seus domínios cognitivos. São demonstrações claras da evolução infantil, e ela vai aprendendo a reconhecer seu próprio potencial e se desafiar a fazer mais, mais e mais coisas.

Com quatro anos de idade, o pequenino já pode iniciar sua jornada com algumas atividades extracurriculares para ampliar suas capacidades, tais como praticar esportes como natação, frequentar aulas de dança ou entrar na escolinha de futebol. 

Veja também: + Conheça 6 benefícios de praticar esporte na escola

Essas atividades são ótimas formas de trabalhar as evoluções pelas quais ela está passando, mas vá com calma para não colocá-la em mais atividades do que ela é capaz de fazer e cuide para que ela esteja sentindo prazer no que faz.

A energia da criança não fica concentrada apenas nas atividades físicas. O intelecto também se exercita o tempo todo, principalmente a fala. As crianças podem se tornar muito falantes e, por vezes, cansativas nessa fase.

Outro ponto muito importante: Prepare-se! A partir dos quatro anos seu filho quer entender o funcionamento das coisas. A curiosidade começa a ficar mais e mais intensa, e surge a famosa fase do “por quê?”. 

Em resumo

O desenvolvimento do comportamento infantil de 3 e 4 anos é algo fantástico! É muito interessante para os pais acompanharem com conhecimento essa fase. 

Isso abre novas fronteiras para entender o que se passa com seu filho e para ter mais sensibilidade diante de questões tão importantes para o desenvolvimento dele. E, acredite, quando ele ficar maior, você lembrará com muito carinho dessa fase energética e cheia de descobertas.