Menu fechado

Marketing Escolar para captar alunos pela internet

Marketing Escolar para captar alunos pela internet

Captar alunos pela internet certamente é uma realidade dos dias atuais. Já faz algum tempo que o marketing digital está presente na estratégia de muitas empresas. Em um mundo cada vez mais conectado, a escola também precisa acompanhar as tendências do mercado e mudar seus processos. Além disso, a crise causada pelo novo coronavírus (COVID-19) mostrou que a tecnologia fará cada vez mais parte do nosso cotidiano. Se você já usava o marketing digital no processo de captação, este é o momento de acompanhar os resultados e realizar ajustes de acordo com as necessidades. Por outro lado, se você está perdido, sem saber por onde começar, separamos aqui tudo o que você precisa saber para captar alunos pela internet.   

Aproveite também para conferir a palestra sobre Marketing Digital para Escolas com o CEO da Mkt4Edu.

Um novo jeito de captar alunos 

Para aumentar sua captação de alunos, é fundamental entender quem é o público da escola para, em seguida, elaborar estratégias de marketing eficiente. Primeiramente, precisamos entender, de uma vez por todas, que nada mais será como antes. O distanciamento social fez com que  as negociações presenciais migrassem para o mundo virtual: em vez de ir até o restaurante passamos a pedir entrega pelos aplicativos; as lojas passaram a vender seus produtos via WhatsApp; trocamos o cinema pela televisão e pelos serviços de streaming; assim como também passamos a fazer compras de mercado mercado pelos meios digitais.

Nesse sentido, o anúncio de jornal, o panfleto e a tradicional divulgação de boca já não são mais o melhor caminho para divulgar a sua escola. Dependendo do público da escola, esse tipo de anúncio até pode trazer algum retorno. Contudo, é preciso avaliar se o resultado dele é condizente com o investimento realizado. 

Você já reparou na quantidade de anúncios que aparecem em nosso Facebook e Instagram? Isso acontece porque passamos grande parte do nosso tempo livre nas redes sociais e é ali que as marcas vão encontrar seus clientes. Não importa se sua escola tem 50 ou 1000 alunos, você também precisa fazer como as grandes marcas e estar presente no maior número de canais digitais possível.

Leia também: 

+ Captação de alunos no cenário pós-pandemia

Por que devo me preocupar em captar alunos pela internet?

Atualmente, é impossível realizar qualquer tipo de trabalho ou planejamento estratégico ignorando o fato de que a maior parte da população tem acesso à internet. Estamos conectados quase 100% do tempo, seja durante o trabalho, para lazer, quando estamos estudando, buscando informação ou até mesmo realizando compras. 

A pesquisa TIC Domicílios, divulgada em agosto de 2019, revelou que em 2018, sete em cada dez brasileiros acessam a internet. Isso significa que 70% da população, ou 126,9 milhões de pessoas, têm acesso à internet, dos quais 90% afirmam estar conectados todos os dias. Nessa realidade de alta conectividade, não é mais produtivo fazer marketing como fazíamos em 2008, usando o rádio, o panfleto e o outdoor. Nessa época, apenas 34% da população estava presente na rede mundial de computadores. 

É por isso que hoje se fala muito sobre Marketing Digital. Esse termo é utilizado para resumir todos as estratégias de marketing aplicadas no ambiente online. Para você elaborar e realizar um plano de marketing digital eficiente para sua escola, é preciso ter atenção em quatro aspectos fundamentais: o seu ambiente; as personas; a comunicação com o público; e os canais de divulgação.

Marketing digital em quatro passos 

O primeiro passo é coletar dados de campanhas anteriores para ter um diagnóstico do que funcionou para a sua captação de alunos ao longo dos anos. Esses dados já serão capazes de mostrar o perfil dos pais da escola e quais meios de divulgação funcionaram para a captação das matrículas. Com os dados, trace um perfil completo dos pais:

  • Quantos anos eles têm?
  • Em qual região moram?
  • Quantos integrantes (em média) constituem a família?

Se você nunca coletou dados, comece utilizando os dados de cadastro dos alunos e, se preciso, realize uma pesquisa com as famílias. Não há nenhum problema em conversar com a sua comunidade escolar. Nesse sentido, vale ressaltar que o conceito de persona é diferente de público-alvo. Determinar o público-alvo é um pouco mais simples porque você precisa de dados mais gerais dos clientes, como por exemplo sexo, idade e classe social. Quando se fala em um grupo de clientes que são “homens e mulheres de 25 a 45 anos, classe média e moradores dos bairros X, Y e Z”, estamos falando de público-alvo.

A persona é um recurso mais específico. Os detalhes permitem entender mais claramente o que pensa o cliente, como ele toma suas decisões, o que considera importante e quais estratégias de marketing seriam mais efetivas para ele. Por isso, você precisa entender quais motivos levaram as famílias a escolherem a sua escola e não as concorrentes.

Preparada a mensagem, só resta anunciá-la…mas no canal certo

Esteja nos canais digitais corretos

Assim, sabendo quem é o seu público e como ele pensa, fica mais fácil decidir como e por onde vocês poderão se comunicar. Sua escola não precisa estar presente em todos os canais digitais, ela só precisa estar nos canais certos. Presença não significa apenas ter uma conta ou perfil em rede social, é preciso também realizar o gerenciamento desses perfis, seja com a criação de conteúdo ou apenas retornando o contato com frequência e agilidade. 

Portanto, certifique-se de que sua escola está presente nos canais mais utilizados por seu público. Além disso, dedique atenção suficiente para esses canais, interagindo com os comentários, respondendo as mensagens privadas, compartilhando a rotina dos alunos e divulgando informações importantes.

Para captar alunos pela internet, não basta anunciar, é preciso também vender 

Faz parte das estratégias de marketing digital não apenas anunciar mas também vender por meio dos canais digitais. O novo perfil de consumidores tende a pesquisar por algum produto ou serviço antes de concluir uma compra. As pesquisas são feitas para comparar preços, ler as avaliações de usuários, e até mesmo para adquirir mais confiança sobre a tomada de decisão. 

Se for possível realizar a compra online, a visita até a loja física é totalmente dispensada e o processo é feito inteiramente pelo computador, de casa mesmo. No mercado de educação, essa também é uma tendência. Por isso, marketplaces como o Melhor Escola tem ganhado cada vez mais destaque. Se há alguns meses as buscas online por escola já eram numerosas, o paradigma de captação de alunos pós-pandemia mostra que a captação de alunos pela internet será o novo normal. Na última temporada (de abril/2019 a abril/2020), o site do Melhor Escola recebeu 7 milhões de visitas.

Sua captação de alunos terá um retorno muito mais expressivo se você aproveitar as vantagens do universo online. As estratégias de marketing digital, se bem aplicadas, fazem anúncios para o público de interesse da escola, representando um investimento muito mais direcionado. Diferentemente dos canais padrões de divulgação, que podem atingir um grande número de pessoas mas não necessariamente alcançará o público certo.

Gostou desse conteúdo? Quer saber mais sobre marketing digital? Clique no banner e baixe nosso livro digital gratuitamente.

Marketing Digital Descomplicado
Publicado em:Marketing Escolar
Post relacionado
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *