Menu fechado

Reduzir a inadimplência com programas de bolsas

Reduzir a inadimplência

Tempo de leitura: 6 min

Controlar a taxa de inadimplência é um grande desafio para qualquer gestor escolar. Dentro da prestação de serviço educacional, as leis são bastante brandas quanto a cobrança dos devedores. Desse modo, o gestor escolar precisa utilizar de estratégias alternativas para garantir o recebimento das mensalidades em dia. Separamos aqui três dessas estratégias que, sem dúvida, vão ajudar a reduzir a inadimplência escolar.

Leia também:  

+ Cinco motivos para ser um parceiro do Melhor Escola

Antes de mais nada, é preciso salientar que a inadimplência não é um problema que se resolve de um dia para o outro. O mercado educacional não está isolado no país, que tem uma relação muito forte com a inadimplência, de um modo geral. No caso da escola, a cobrança do pagamento ao devedor não pode acontecer de maneira abusiva. Sendo assim, o aluno não pode ser impedido de realizar alguma prova por estar inadimplente ou ter seu nome retirado da lista de presença, por exemplo.

Por isso, evitar a inadimplência é muito melhor do que lidar com ela. A escola pode adotar diferentes estratégias para isso: aprimorar a comunicação com as famílias; reavaliar métodos e datas de pagamento; elaborar um contrato mais bem detalhado; dentre outras. Hoje, queremos direcionar a atenção para as três seguintes.

Setor de cobrança eficiente

Ainda que o trabalho da gestão seja na prevenção, para reduzir a inadimplência, é preciso que o controle de cobranças esteja organizado. O time responsável por essa função deve estar constantemente em movimento, realizando contatos ativos, usando um discurso alinhado, tendo empatia na comunicação e seguindo um calendário de contatos. 

Se a escola ainda não tem uma política de cobrança, é importante criá-la. O primeiro passo desse processo deve ser determinar o que é um pai inadimplente para a escola. Segundo a definição do Banco Central, um pai pode ser considerado inadimplente já no dia seguinte ao vencimento do boleto de mensalidade. Entretanto, é necessário diferenciar inadimplência de atrasos nos pagamentos.

Um atraso pode se tornar um problema quando se prolonga ou se torna recorrente, prejudicando a saúde financeira da instituição. Portanto, cabe à gestão financeira identificar os diferentes comportamentos dos pais para aplicar os regimentos mais coerentes. 

Posteriormente, é preciso organizar o envio de lembretes e mensagens antes do vencimento, treinar a equipe de cobrança sobre as possibilidades de abordagem e planejar renegociações. 

Investir em relacionamento

Trabalhar o relacionamento com o cliente é importante não apenas para assegurar um bom desempenho dos alunos, mas também para reduzir a inadimplência. A proximidade dos pais com a escola garante uma melhor comunicação entre as partes e também auxilia o time de cobrança a desenvolver o seu trabalho. 

 Além disso, a proximidade constrói um ambiente de parceria, no qual a transparência da gestão escolar é fundamental. Assim, fica mais evidente para as famílias que o funcionamento do negócio escolar depende diretamente da participação delas. O não pagamento das mensalidades afeta os compromissos da escola e, consequentemente, terá efeitos no serviço educacional oferecido. 

Uma vez que a comunidade escolar está presente e mantém um relacionamento de parceria com a escola, a negociação se torna um processo menos incômodo. 

Utilizar um programa de bolsas para reduzir a inadimplência

Além de serem um canal alternativo de captação de alunos, aumentando o volume de matrículas nas turmas, os programas de bolsa também são um recurso utilizado para reduzir a inadimplência. Alunos bolsistas do Melhor Escola, por exemplo, precisam manter a mensalidade em dia para garantir a continuidade de seu desconto. Em caso de atraso no pagamento, o desconto é suspenso para aquele mês, ou seja, o pai pagará o valor integral da mensalidade. Caso o atraso ocorra por dois meses consecutivos, o aluno perderá a bolsa definitivamente.

No entanto, antes de se tornar parceria de um programa de bolsas, a escola precisa ficar atenta às taxas cobradas para os alunos, pois alguns programas cobram taxas de semestralidade. Em outras palavras, para que o aluno garanta o seu desconto, ele paga um valor adicional para o programa. Nesse tipo de política de desconto, não são raros os casos de aluno que ficam inadimplentes com a escola e pagam somente a taxa do programa para manter sua bolsa. 

Desse modo, antes de fechar uma parceria, é importante que a gestão escolar fique atenta ao pequenos detalhes. Do contrário, é possível que a estratégia acabe trazendo os resultados opostos. Um bom programa de bolsas oferece benefícios para a escola e seus alunos.

Como funciona a parceria com o Melhor Escola

O Melhor Escola é o maior buscador de escolas do país. Além de captar alunos de maneira eficiente, o portal também fortalece a divulgação da escola por meio de investimentos nas mídias pagas e oferece a descentralização dos descontos no balcão. Na última temporada (de abril/2019 a abril/2020), o site do Melhor Escola recebeu 7 milhões de visitas.  

Para os pais e alunos, a grande vantagem é a inexistência de anuidade ou taxa de semestralidade. A taxa de pré-matrícula é o único valor cobrado pelo Melhor Escola. O site também permite que os pais analisem preço, metodologia de ensino, ciclos de ensino oferecido e comparem diferenciais antes de escolherem uma escola para seus filhos. 

Já para os gestores, existem muitas vantagens. Ao expor sua vitrine no marketplace, a escola se apresenta para novos usuários e garante um alcance maior do seu anúncio, reduzindo os custos com publicidade e consequentemente aumentando sua margem de lucro. 

  Além disso, por meio da Área do Gestor, a escola tem acesso à lista completa de alunos matriculados pelo Melhor Escola e seus respectivos comprovantes de pagamento.  A lista de alunos permite que o gestor, se necessário, classifique o aluno como inadimplente e cancele sua matrícula. Essas duas ações geram um disparo de e-mail de notificação para os pais do aluno. Também é possível atualizar as informações da escola que ficarão disponíveis na nossa página, repor estoque de vagas e alterar até descontos.

As escolas que já tem parcerias com outros programas de bolsa podem realizar a transferência desses alunos para o Melhor Escola. Desse modo, o aluno tem a possibilidade de manter sua matrícula na escola enquanto os pais continuam pagando a mensalidade com desconto, sem precisar pagar nenhuma taxa extra por isso.

Marketing Digital
Publicado em:Gestão e finanças
Post relacionado
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *